sábado, 16 de outubro de 2010

"como se fosse meu espelho falando pro seu."

O que não for meu,deixo aqui
por um direito que é todo do mundo
o que não é meu,pertence a esse espelho
e reflete na sua superfície,o que há de mais profundo.

Cuide-se,ame-se,seja-se,viva-se
é um direito que é todo do mundo
que não é meu:é desse espelho
ame-se,seja-se,E PERMITA-SE
direito seu,que eu aconselho.

Repito,como uma mecânica
que não sabe nem explicar
seu porque nem para quê existe
que é não é meu:é desse espelho
mas tem um sentimento que ela deixou ali
para que não volte atrás;mas é sentimento
e sentimento,não se desiste.



Um comentário:

  1. só em ler seus textos, meu dia fica mais e mais feliz!

    ResponderExcluir